Record e SBT trocaram de programação no período vespertino e também inverteram as suas audiências e posições no horário

Parece que o jogo virou, não é mesmo? Há alguns anos, era o SBT quem surrava a Record TV com as suas novelas, que chegavam a abrir o dobro de vantagem sobre o extinto “Programa da Tarde”. Hoje em dia, são as tramas da emissora de Edir Macedo que fazem picadinho das atrações vespertinas nacionais de sua concorrente.

O interessante, é que a Record, cansada de perder no ibope, trocou os programas de variedades por novelas, que funcionavam muito bem obrigado no SBT, que resolveu fazer o caminho inverso, trocando as tramas por atrações nacionais e despencou em audiência.

As duas emissoras praticamente trocaram as suas grades de programação. A Record TV investiu no que funcionava na concorrência e se saiu melhor, já o SBT fez o que não funcionava na concorrente e o resultado e surras e mais surras no horário entre 15 hrs e 17 hrs da tarde.

Assim, desde as primeiras “Prova de Amor” e “Dona Xepa”, a Record saltou dos 5 e 3 pontos, respectivamente, para os 7 pontos e a vice-liderança isolada com as suas novelas atuais. Enquanto que o SBT, recuou de 6/7 em audiência para 5 pontos e o terceiro lugar de audiência, quando não quarto com a exibições do futebol pela Band.

Na última terça-feira (15), as novelas “Ribeirão do Tempo” e “Vidas em Jogo”, mais uma vez registraram a vice-liderança isolada para a Record TV em um dos únicos horários que a emissora respira aliviada, uma vez que o SBT na faixa é morto com os programas “Fofocalizando” e “Casos de Família”, que raramente ultrapassam os 5 pontos de média. As tramas registraram 8 e 7 pontos, cada uma.

Exibidas depois, as tramas do SBT que foram sendo cada vez mais empurradas para as tardes e de 14h15 e 15h15, hoje vão ao ar entre 17h00 e 18h15, sobem a audiência desses programas e marcam 5.5 e 8 pontos, respectivamente.

Passou da hora do SBT desistir dessas atrações, sobretudo o “Fofocalizando” que atrapalhou toda a programação vespertina da emissora, e voltar a brigar de igual com a Record TV no horário, que conseguiu emplacar novelas lentas, grandes e arrastadas, que no início eram grande fracassos, graças a ajudinha básica de Silvio Santos que insiste no programa fracassado como concorrente.

Comentários